Alberto Bitar

Alberto Bitar nasceu em Belém do Pará em 1970. É formado em Administração de Empresas pela Universidade da Amazônia – UNAMA. Começou a trabalhar como fotógrafo em 1991 e desde 1992 vem desenvolvendo ensaios pessoais em baixa velocidade e, atualmente, é reporter fotográfico freelancer.

Participou de vários salões de arte e concursos de fotografia, tais como o Salão de Pequenos Formatos da UNAMA, o Salão do Museu de Arte Moderna da Bahia, Salão Arte Pará, Salão Internacional de Fotografia “Abelardo Rodrigues Antes” em Havana/Cuba, Concurso Cidade de Santa Maria, Concurso Detalhes de Belém, entre outros.

Em 1996 foi selecionado para participar do projeto ANTARCTICA ARTES COM A FOLHA, sobre o panorama da produção de jovens artistas emergentes do Brasil, integrando uma grande exposição coletiva paralela à Bienal internacional de Arte de São Paulo/SP.

Realizou em Belém as Exposições individuais de fotografia Solitude e Hecate respectivamente em 1994 e 1997.

Em 2002 ganha o prêmio especial do Salão Arte Pará pelo vídeo Doris, realizado em conjunto com os artístas Paulo Almeida e Leo Bitar. Em 2003 recebe a bolsa do Instituto de Artes do Pará para realização do curta Enquanto Chove, todo feito com fotografias e inspirado no livro homônimo de Ailson Braga.

Alberto Bitar
afbitar @terra.com.br
tel: 55 91 3242-0726 / 9603 9540

Filmes:

Dóris, 2001.

Enquanto Chove, 2003.

Quase todos os dias…São Paulo, 2009.

Fonte: Cultura Pará

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s